• Seja bem vindo(a)
  • Rua Ariovaldo Antônio Bucatte 345, Chácaras São Bento, Valinhos - SP
  • Telefone: (19) 3881-8100
  • Seg a Sex - 06h às 22h Dom 06h às 20h
  • Ouça o hino do clube

Pela Superliga 2017/2018, Brasília vence Renata Valinhos/Country

Brasília Vôlei e Renata Valinhos/Country se enfrentaram na noite desta terça-feira (28), em mais uma rodada da primeira fase da Superliga Feminina de vôlei. A chuva forte que caiu no Distrito Federal impediu boa parte dos torcedores de comparecer ao ginásio do SESI Taguatinga.

Mas, quem foi ao ginásio, viu uma partida de superação da equipe candanga, culminando na vitória do Brasília Vôlei por 3 sets a 0, parciais de 25×21, 25×17 e 25×17, em 1h15 de jogo.

O jogo começou bem disputado. O Brasília Vôlei chegou a abrir dois pontos de vantagem, mas era perseguido de perto pelo Valinhos. Quando o placar estava empatado em 8×8, o time paulista começou a errar e as candangas aproveitaram para distanciar no marcador, obrigando o técnico André Rozendo a solicitar tempo técnico quando o time da casa vencia por 13×9.

A conversa do treinador paulista acabou não surtindo efeito, o Valinhos não trabalhava os três toques e acabava errando. Com isso, o time brasiliense manteve a boa distância no placar e fechou o primeiro set em 25×21.

No segundo set, o Valinhos esboçou uma reação com Natália e Natasha. O jogo chegou a ficar empatado em 5×5, mas a falta de organização da equipe paulista beneficiou o Brasília Vôlei. A equipe treinada por Sérgio Negrão abriu cinco pontos de vantagem, colocando 11×6.

O técnico André Rozendo parou novamente a partida, tentando corrigir os erros. Depois disso, a diferença foi ampliada ainda mais, chegando a sete pontos (19×12). A tranquilidade de Malu, Aline e Paquiardi fez com que o segundo set terminasse em 25×17.

O terceiro set do Brasília Vôlei começou arrasador. As candangas abriram 5×1 no placar e fizeram André Rozendo parar a partida com apenas três minutos de jogo. Depois disso, o time paulista esboçou uma reação em quadra e diminuíram a diferença para dois pontos (10×8). No entanto, a esperança parou por aí.

Malu chamou a responsabilidade e marcou quatro pontos seguidos para o Brasília Vôlei (14×8). O técnico André Rozendo parou o jogo para tentar corrigir a atuação do Valinhos, mas de nada adiantou. O time brasiliense apenas administrou o placar e fechou o set em 25×17, confirmando a vitória por 3 sets a 0.

“Soubemos ganhar hoje de um adversário do mesmo nível. Administramos o jogo o tempo todo e nenhum momento fomos ameaçados em quadra, dando o ritmo da partida. Isso mostra o quanto o time está evoluindo, analisou o técnico do Brasília Vôlei, Sérgio Negrão.

Após o apito final da arbitragem, a equipe de Valinhos se reuniu dentro de quadra e conversou por cerca de 20 minutos, sem a presença de imprensa e torcedores. Após o fim do papo, a maioria das jogadoras deixou a quadra sem falar com a reportagem da Esportes Brasília.

A única que topou conversar com a reportagem foi a ponteira Sabrina, que tentou explicar qual foi o teor da conversa. “Era um jogo que a gente tinha que ganhar. O confronto era direto, mas vacilamos muito. Entramos afobadas em quadra e por isso foi a conversa. Vínhamos buscando a vitória para melhorar, mas perdemos”, ressaltou.

O Renata Valinhos/Country volta a jogar pela 10ª rodada no dia 03 de dezembro, no “Panela de Pressão” contra o time do Volei Bauru, com transmissão pela Rede TV, com início às 13h00.

Com informações do EsporteBrasilia.com

renatavalinhoscountry2017_64

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *